banner regulamento novo
Sexta, 19 Janeiro 2018 21:25

Jornalistas Solidárias promovem campanha para arrecadação de material escolar

Avalie este item
(0 votos)

Quem disse que grupos de WhatsApp servem apenas para trocar correntes e enviar piadinhas? Algumas jornalistas do Acre – reunidas em um destes famosos ‘grupos virtuais’, demonstram que é possível juntar a tecnologia às causas sociais.

“Entre uma conversa informal sobre filhos, trabalho e casa, nós tivemos a ideia de unir forças para algum trabalho voluntário, já que algumas jornalistas já desenvolvem ações parecidas de alguma forma. Assim, tivemos a ideia de fazer esta campanha, totalmente concebida, desenvolvida e executada pelo aplicativo, pois todas têm suas agendas profissionais atribuladas e corridas”, informou a apresentadora Jocely Abreu.

Ideia aprovada, planejamento em execução e logística  preparada, as profissionais entraram em campo para a divulgação da campanha “Com material, a escola é mais legal”.

“Identificar parceiros foi até mais fácil do que imaginávamos. Ao apresentarmos a proposta conseguimos rapidamente o apoio do Via Verde Shopping e da rede de Supermercados Pague Pouco, que serão pontos de coleta das doações, assim como a Biblioteca Pública”, disse Andréa Zílio.

Enquanto a divulgação e o trabalho de arrecadação do material escolar acontece, a jornalista Lamlid Nobre realiza a coleta de informações junto às escolas sobre as crianças que precisam destas doações.

“Assim que começamos a entrar em contato com os diretores de escolas, observamos que a campanha será muito útil, pois há uma carência muito grande nesta área e já recebemos até mesmo pedido para doação de uniforme escolar. Certeza que este trabalho será o primeiro de muitos do nosso grupo”, destacou Lamlid.

A campanha de arrecadação será até o dia 23 de fevereiro, e os interessados podem ajudar entregando caderno, lápis, caneta, borracha, apontador. No caso de mochila pode ser usada. As jornalistas colocaram o fone 68.9.9984-9770 à disposição de quem quiser ajudar, mas não tem como deixar as doações nos pontos de coleta.

Ler 78 vezes
UA-39159391-7